Killa Hill: “Nossa música é para deixar o legado sobre as nossas vivências”

Conhecidos como um dos maiores grupos de Hip Hop em Angola nos últimos quinze, dez anos, Killa Hill reativa-se no mercado musical e desperta atenção e interesse da comunidade angolana. Em conversa com o PLATINALINE, de forma geral, o grupo admitiu que o há muitos bons fazedores de Rap em Angola, e considera sua musicalidade como um arquivo para deixar o legado sobre suas vivências, “O mercado tem muitos bons músicos, enquanto grupo acreditamos que a nossa música é um legado a deixar que retrata sobre a nossa vivência, nossos passos, nosso caminho criado, enquanto artistas devíamos pensar sempre na capacidade de criar música para a vida, é necessário ter uma boa linha, uma música completa e intemporal”, afirmou o grupo
Killa Hill lançou recentemente dois singles musicais, “E o amanhã, e minha tropa”, músicas estas que vêm ganhando visualizações por parte dos fãs e admiradores do grupo, não só de tempos anteriores, mas também jovens com idades reduzida, tendo esta última ocupado lugares de destaque na primeiríssima posição no Top 10 da Rádio Platina, e demais tops musicais.